📆 Upcoming Events
📰 My Account

MOBILE

Children 0-2 years of age En Español Haga

Crianças de 0-2 anos de idade

O primeiro dente geralmente nasce aos 6 meses de idade. Na maioria das vezes, este é o dente inferior anterior. O período de erupção dos dentes decíduos varia mais do que os dentes permanentes. Os 8 dentes anteriores (4 superiores e 4 inferiores) geralmente nascem aos 9-12 meses de idade.

 

Os dentes devem ser limpos assim que o primeiro dente erupcionar. Escovar os dentes do seu bebĂȘ com uma escova de dentes apropriada e com pasta de dentes com flĂșor (1000 ppm) tem provado ser a melhor proteção contra a cĂĄrie dentĂĄria. Crianças de 0 a 3 anos deve usar um pasta de dente com flĂșor no tamanho de um grĂŁo de arroz. As pastas dentais sem flĂșor nĂŁo oferecem proteção contra a cĂĄrie dentĂĄria

Antes dos dentes erupcionarem, os pais podem usar uma gaze limpa e pequena ou um pano limpo e seco. Os dentes e gengiva sĂŁo limpos para remover lĂ­quidos e detritos de alimentos. Isto pode ser feito antes de se deitar. Assim que o primeiro dente erupciona, uma escova pequena e macia pode ser usada para limpar todas as superfĂ­cies dentĂĄrias, dando uma especial atenção para os sulcos das superficies oclusais dos molares, para a gengiva e para a lĂ­ngua, usando a quantidade de pasta de dentes com flĂșor mencionada acima. Quando a criança tiver idade suficiente, os pais devem ensinar e encorajar a cuspir a pasta de dente. Enxaguar completamente nĂŁo Ă© necessĂĄrio. Estudos mostram que a melhor proteção contra  cĂĄrie Ă© escovar e cuspir. Os pais devem sempre supervisionar a rotina de escovação dos dentes das suas crianças.

 

Se vocĂȘ nĂŁo estiver usando mais do que um grĂŁo de arroz de pasta dental com flĂșor duas vezes por dia, Ă© seguro se o bebĂȘ engolir a pasta. Esta quantidade pequena foi calculada para ser segura, mesmo para um bebĂȘ de 6 meses de idade. No entanto, Ă© fĂĄcil limpar o excesso de pasta dental com uma gaze limpa ou com uma toalha enquanto vocĂȘ escova os dentes do seu bebĂȘ.

 

Consultar um dentista quando o primeiro dente erupciona ou no primeiro aniversĂĄrio da criança Ă© recomendado para ajudar na prevenção de cĂĄries dentĂĄrias. Por quĂȘ? Porque desta forma o dentista tem a oportunidade de examinar a boca da criança e confirmar a normalidade do desenvolvimento bucal. Os dentes tambĂ©m sĂŁo avaliados para lver a necessidade da limpeza. Isto proporciona ao dentista a oportunidade de aconselhar sobre prevenção e de realização do melhor plano de tratamento para o seu filho. AlĂ©m de fornecer aos pais a chance de discutir prĂĄticas alimentares, dentição e hĂĄbito bucal. Se a criança Ă© considerada com risco de cĂĄrie, o dentista pode aplicar medidas preventivas extras, como o verniz de flĂșor. O melhor plano Ă© evitar que os problemas aconteçam ao invĂ©s de corrigi-los.

 

Muitos bebĂȘs desenvolvem cĂĄrie logo apĂłs o nascimento dos seus dentes, como discutiremos na questĂŁo 13. Quando existe este risco, uma aplicação de verniz de flĂșor realizado por um dentista pode tornar os dentes destas crianças mais fortes. Ao levar o seu filho para uma consulta odontolĂłgica no primeiro ano de vida, e a cada seis meses apĂłs esta primeira visita, ajudarĂĄ o dentista a avaliar o risco a cĂĄrie. Aplicar verniz de flĂșor Ă© um mĂ©todo fĂĄcil, seguro e muito eficaz para proteger os dentes do seu bebĂȘ. Quando a criança jĂĄ tem cĂĄrie na sua fase inicial, uma aplicação do verniz de flĂșor a cada 3 meses pode impedir o crescimento da cavidade, e atĂ© mesmo reverter o processo. Converse com seu dentista sobre as necessidades de aplicaçÔes de flĂșor em seu filho. 

 

Para aqueles bebĂȘs que nĂŁo estĂŁo sendo amamentados, hĂĄ um consenso geral de que um bom momento para desmamar o bebĂȘ Ă© por volta de um ano de idade. Odontopediatras gostam de ver as crianças deixarem a mamadeira o mais rĂĄpido possĂ­vel. Isto porque eles vĂȘem um nĂșmero alarmante de crianças com cĂĄrie na infĂąncia. Este tipo de lesĂŁo, que começa nos dentes anteriores, pode ser resultado do uso prolongado da mamadeira com leite adoçado, ou quando esta Ă© dada ao bebĂȘ na cama. O mesmo pode acontecer quando o bebĂȘ toma lĂ­quidos doces diretamente do copo.
O desmame da mamadeira parece seguir dois caminhos. O primeiro Ă© repentino. É uma abordagem. de “abstinĂȘncia”. O segundo mĂ©todo Ă© uma redução gradual do uso da mamadeira. Geralmente, ocorre durante o dia quando o bebĂȘ consegue beber no copo. A Ășltima e mais difĂ­cil retirada da mamadeira a ser descontinuada Ă© antes de se deitar.
Os pais devem ter em mente que nĂŁo Ă© a mamadeira ou o copo que causam o problema. É o doce contido nas bebidas. Se seu bebĂȘ chupa a mamadeira ou o canudo do copo apĂłs a erupção dos dentes, o melhor a ser feito Ă© colocar apenas ÁGUA nestes recipientes. Esta abordagem tambĂ©m ajuda a criar o hĂĄbito saudĂĄvel de beber ĂĄgua ao invĂ©s de bebidas açucaradas.

  1. Amamentação Ă© a forma mais natural e saudĂĄvel para nutrir tanto a mamĂŁe quanto o bebĂȘ. É a forma ideal de nutrição infantil recomendada por pediatras e pela comunidade mĂ©dica. Uma vez que nasce o primeiro dente do bebĂȘ, inicia-se a escovação duas vezes por dia com pasta dental com flĂșor no tamanho de um grĂŁo de arroz, e tenta-se minimizar a alimentação noturna. O leite materno tem açĂșcares que tĂȘm o potencial de iniciar a formação de cĂĄries quando deixados na boca por um longo perĂ­odo de tempo. BebĂȘs que tĂȘm dentes e sĂŁo amamentados durante a noite, pode desenvolver cĂĄries tĂŁo severas como aquelas produzidas pela amamentação de mamadeira.

  2.  

A sucção Ă© um instinto bĂĄsico dos bebĂȘs. Ao longo dos anos tem havido inĂșmeros debates sobre a utilidade da chupeta. Os benefĂ­cios atribuĂ­dos ao uso da chupeta parecem compensar qualquer deficiĂȘncia em crianças menores de 2 anos. Se isso ajuda a confortar seu bebĂȘ, entĂŁo use a chupeta. Certifique-se de usar chupetas com borda grande que fica na parte externa da boca e com o bico em forma oval. Este tipo de chupeta Ă© recomendada para a segurança e melhor desenvolvimento dental.

 

Durante muitos anos, pensava-se que o rompimento da dentição causava febre e doença em geral. A dentição foi culpada por muitas coisas! Pesquisas sobre problemas de dentição mostrou que algumas crianças ficam irritadas, babam mais e Ă s vezes aparecem uma erupção cutĂąnea facial. No entanto, para a maioria das crianças o efeito da dentição Ă© dentes! É uma parte normal do desenvolvimento. Se o seu filho tem uma temperatura alta que o preocupa, Ă© improvĂĄvel que seja causado por dentição e vocĂȘ deve consultar um mĂ©dico.

 

Muitos remĂ©dios tĂȘm sido sugeridos ao longo dos anos, porĂ©m nĂŁo existe nenhum medicamento que possa ajudar. AnĂ©is dentais demonstraram ser ĂștĂ©is para alguns bebĂȘs. A pressĂŁo ao morder parece aliviar algum desconforto, especialmente se o anel estiver gelado. Outra fĂĄcil alternativa Ă© usar uma toalha limpa e molhada colocada no freezer que pode oferecer uma superfĂ­cie macia e fria para o bebĂȘ ao mastigar. Os comprimidos para aliviar a dor e os medicamentos anestĂ©sicos locais disponĂ­veis para este fim devem ser utilizados como Ășltimo recurso.

 

Aproximadamente 1 em 10 crianças experimentam cĂĄries dentĂĄrias antes dos dois anos de idade. Em certas comunidades esse nĂșmero pode ser muito maior. A causa mais comum Ă© quando um bebĂȘ Ă© colocado no berço Ă  noite com uma mamadeira com leite ou com lĂ­quido adocicado. O conteĂșdo da mamadeira une-se aos dentes durante toda a noite. Inicia-se o processo de formação da cĂĄrie dentĂĄria! O mesmo efeito pode ocorrer com uma chupeta adocicada. Em algumas circunstĂąncias, os bebĂȘs que sĂŁo amamentados durante a noite por um longo perĂ­odo de tempo tambĂ©m estĂŁo em risco. A cĂĄrie dentĂĄria desenvolvidas por estas crianças tem um padrĂŁo tĂ­pico. É geralmente evidente perto da linha da gengiva nos dentes anteriores superiors. Devido Ă  idade dessas crianças, o tratamento torna-se um grande problema, e Ă s vezes se faz necessĂĄrio o uso de anestesia geral. Os pais precisam estar alertas e manter os dentes dos seus filhos saudĂĄveis, escovando-os duas vezes por dia, com pasta dental com flĂșor do tamanho de um grĂŁo de arroz, assim que o primeiro dente erupcionar. Ocasionalmente, doenças ou algum outro distĂșrbio podem afetar os dentes em crescimento, levando a formação de um esmalte enfraquecido. Estes dentes podem cariar mais facilmente. Um exame dental no primeiro ano de vida da criança ajuda a identificar esses problemas, e permite que o seu dentista implemente medidas preventivas adicionais, como a aplicação profissional de verniz de flĂșor.

Algumas crianças rangem os dentes à noite. Este håbito chama-se bruxismo e não é incomum nos primeiros anos, especialmente nos períodos de crescimento de novos dentes. Sabemos que isso realmente preocupa os pais, mas raramente requer tratamento. Este håbito, geralmente é pequeno e só em raras ocasiÔes apresentarå desgastes dentårios significantes. Visitas regulares ao dentista permitirå avaliar o desgaste e estabelecer medidas preventivas para limitar os danos aos dentes.

Durante anos, a importĂąncia dos dentes decĂ­duos foi subestimada. Uma vez reconhecida sua importĂąncia, os dentes permanentes melhoraram. As razĂ”es Ăłbvias da importĂąncias dos dentes decĂ­duos sĂŁo: – mastigação, fala, e aparĂȘncia. AlĂ©m disto, os dentes decĂ­duos conservam o espaço na mandĂ­bula e maxilla para os dentes permanentes. Se os dentes decĂ­duos sĂŁo removidos antes do seu tempo natural, o espaço para os dentes permanentes pode ser perdido. Crianças que tiveram cĂĄries em seus dentes decĂ­duos tĂȘm muitas chances de ter cĂĄries em seus dentes permanentes. Estabelecer bons hĂĄbitos que impeçam a cĂĄrie dentĂĄria nos dentes decĂ­duos abre o caminho para uma vida com uma saĂșde bucal saudĂĄvel.

 

Muitas crianças, infelizmente sofrem acidentes, que podem danificar a boca e os dentes. Uma ampla gama de lesĂ”es pode ocorrer. Os danos aos dentes decĂ­duos podem ser de pouca preocupação, ou graves, onde os dentes podem ficar mĂłvel ou serem removidos da cavidade bucal. As lesĂ”es mais graves podem causar danos aos dentes permanentes que ainda estĂŁo sendo formados. A quantidade e o tipo de dano depende da idade da criança, pois isso reflete o estĂĄgio de desenvolvimento do dente subjacente. A quantidade de lesĂŁo nĂŁo serĂĄ vista atĂ© que o dente permanente erupcione na boca. Uma consulta com o dentista logo depois da injĂșria Ă© sempre recomendada, para avaliação dos danos (geralmente com raios x) e implementação de medidas necessĂĄrias para limitar os problemas.

Sign up to the e-Newsletter